Untitled Document
Bom dia, 01 de dez
Untitled Document
Untitled Document
  
EcoAgência > Notícia
   
Ciência e Pesquisa

Quinta-feira, 19 de Dezembro de 2013

 
     

Curta sobre físico de Porto Alegre vence Prêmio Especial do Minuto Ciência

  

Realizado pelo segundo ano consecutivo, com o objetivo de despertar a curiosidade e incentivar o interesse em ciência na população, o concurso recebeu entre os dias 1º de abril e 20 de novembro as inscrições de 160 vídeos, dos quais 90 foram considerados válidos.

  

Reprodução    
Concurso organizado com apoio da FAPESP premiou vídeo sobre funcionário mais antigo do planetário da capital gaúcha


Por Karina Toledo - Agência FAPESP

Em apenas 43 segundos, o vídeo O homem que conserta estrelas narra a história do físico Ary Nienow, o mais antigo funcionário do Planetário de Porto Alegre (RS). Dirigido pela gaúcha Denise Marchi, de 27 anos, o curta recebeu o Prêmio Especial do concurso Minuto Ciência 2013 – organizado pelo Festival do Minuto com apoio da FAPESP.
 
Realizado pelo segundo ano consecutivo, com o objetivo de despertar a curiosidade e incentivar o interesse em ciência na população, o concurso recebeu entre os dias 1º de abril e 20 de novembro as inscrições de 160 vídeos, dos quais 90 foram considerados válidos.
 
De acordo com Marcelo Masagão, diretor do Festival do Minuto, a distribuição etária dos participantes foi mais uniforme nesta edição em comparação a 2012, quando 47% do participantes eram menores de 18 anos. Além disso, aumentou o número de participantes estrangeiros.
 
“Houve um efetivo interesse de pessoas de todas as idades e de 12 países diferentes, além do Brasil. A qualidade dos vídeos aumentou consideravelmente em relação a 2012. Isso mostra que estamos atingindo nosso objetivo de começar a criar uma cultura do tema relacionado às ciências dentro do Festival do Minuto. As pessoas de fato começaram a usar a linguagem audiovisual para falar sobre ciência, muitas vezes tendo como ponto de vista a sua aplicação no dia a dia”, avaliou Masagão.
 
Os trabalhos ganhadores foram escolhidos por uma curadoria do Festival do Minuto, por representantes da FAPESP e receberam votos do público pelo Facebook e pelos sites do Festival do Minuto e do Minuteen – edição do concurso voltada para jovens entre 10 e 14 anos.
 
Vencedor na categoria “Prêmio Especial”, O homem que conserta estrelas receberá o Troféu Minuto e mais R$ 4 mil. Em entrevista à Agência FAPESP, Marchi contou que o trabalho é uma síntese de um documentário de mesmo nome também dirigido por ela.
 
“Dirigi e roteirizei um documentário de 15 minutos sobre a história do Ary Nienow para concorrer no concurso “Histórias Curtas 2013”, organizado pela rede de TV RBS. Decidi então fazer uma versão mais curta, com a ajuda do montador Daniel Laimer, para concorrer no Festival do Minuto e ajudar na divulgação do filme”, contou a diretora.
 
Nienow trabalha há cerca de 40 anos no Planetário de Porto Alegre, onde ingressou como estagiário. Ainda hoje é o responsável pela manutenção do equipamento.
 
Na categoria “Melhor Vídeo”, o vencedor foi The beauty of mathematics, que receberá o Troféu Minuto e um prêmio de R$ 2 mil. Produzido pelos franceses Yann Pineill e Nicolas Lefaucheux, ambos de 25 anos e recém-graduados em design gráfico pela faculdade ESAG Penninghen, de Paris, o vídeo mostra complexas equações matemáticas por trás de elementos do cotidiano, como uma luz acendendo, a neve caindo, ou um peão girando.
 
“Não somos matemáticos. O vídeo originalmente foi um projeto da graduação que tinha como tema a beleza. Mas este é um tópico muito subjetivo e procuramos uma forma de ser o mais objetivo possível. A ciência foi a resposta”, contou Pineill.
 
Os estudantes do colégio Móbile Fernanda Daudén, Felipe Noronha, Mariana Guerra e Nicolle Libbos venceram na categoria “Melhor Vídeo” do concurso Minuteen com o curta Aquecimento global segundo hipótese não antrópica. Eles também receberão o Troféu Minuto e um prêmio de R$ 2 mil.
 
Na categoria “Escolha do Público”, com votação realizada pelo Facebook, o vencedor foi o vídeo Perspective, produzido pelo ilusionista Emerson Ambrosio, de 41 anos, morador de São Bernardo do Campo.
 
“Quando vi o tema ciência eu pensei em fazer algo que parecesse mágica, mas que ficasse provado que era apenas algo baseado na ciência mesmo”, contou Ambrosio, que também recebeu menção honrosa com o trabalho na categoria “Melhor vídeo”.
 
Outros participantes que receberam menção honrosa e o Troféu Minuto foram: Jacques Sanfilippo (Brasília), com o vídeo Chinelotron; Anna Celarek (Alemanha), com Scale; e Fernanda Mendes de Rezende (Taboão da Serra), com Herba transmutatio. 
 
Agência FAPESP - EcoAgência

  
  
  
Untitled Document
Autorizada a reprodução, citando-se a fonte.
 
Mais Lidas
  
Untitled Document
 
 
 
  
  
  Untitled Document
 
 
Portal do Núcleo de Ecojornalistas do Rio Grande do Sul - Todos os Direitos reservados - 2008