Untitled Document
Bom dia, 25 de abr
Untitled Document
Untitled Document
  
EcoAgência > Notícia
   
Terça Ecológica

Domingo, 22 de Janeiro de 2017

 
     

Ecojornalistas vão debater “O desmonte dos órgãos ambientais do RS”

  
O NEJ convidou para o evento o presidente da Associação dos Servidores da Secretaria do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável/SEMA (Assema), Julio Cesar Nunes Rolhano, o técnico ambiental da SEMA, Rafael Caruso Erling, e o integrante da Associação dos Funcionários da Fundação Zoobotânica (FZB), Jan Karel F. Mahler Jr.
  

Débora Gallas    


Por Eliege Fante e Débora Gallas - especial para a EcoAgência

“O desmonte dos órgãos ambientais do Rio Grande do Sul” é o tema da Terça Ecológica que acontecerá em 7 de fevereiro, às 19h, no auditório 2 da Fabico/UFRGS. Para discutir os impactos e as consequências da extinção da Fundação Zoobotânica decretada pelo Governo Sartori (PMDB) e deputados da Assembleia Legislativa, o Núcleo de Ecojornalistas convidou para o evento o presidente da Associação dos Servidores da Secretaria do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável/SEMA (Assema), Julio Cesar Nunes Rolhano, o técnico ambiental da SEMA, Rafael Caruso Erling, e o integrante da Associação dos Funcionários da Fundação Zoobotânica (FZB), Jan Karel F. Mahler Jr. O evento é gratuito e aberto ao público.


A FZB que é responsável pelo Jardim Botânico, Museu de Ciências Naturais do RS e Parque Zoológico,teve a extinção aprovada por 30 deputados gaúchos, da base governista, na madrugada de 20 de dezembro de 2016. O Projeto de Lei 246/2016 do Governo Sartori não passou por nenhuma das comissões da Assembleia Legislativa porque foi enviado em regime de urgência, o que estabelece que a votação ocorra no prazo de 30 dias.  


O Governo e o Legislativo do RS também decretaram o fim de outras oito fundações: Fundação Estadual de Produção e Pesquisa em Saúde (FEPPS), Fundação Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore (FIGTF), a Fundação de Pesquisa Agropecuária (Fepagro), Fundação de Ciência e Tecnologia (Cientec), Fundação de Economia e Estatística (FEE), Fundação Piratini, Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Humanos (FDRH), Fundação Estadual de Planejamento.


O desmonte dos órgãos ambientais vinha sendo conduzido desde governos anteriores mas a resistência crescente era tanto de servidores quanto de entidades ambientais, que realizavam debates sobre a crise da política ambiental no Estado. Atualmente, após a publicação das extinções no Diário Oficial do Estado assim como da nomeação de Cargos em Comissão para o encerramento das atividades das fundações, esta resistência busca a justiça para a defesa do patrimônio do Estado e dos direitos dos trabalhadores.


O Governo Sartori (PMDB) já tinha enviado à Assembleia um projeto de lei o qual autorizava a extinção da FZB. Mas, conforme admitiu a própria Secretária de Meio Ambiente, Ana Maria Pellini, “o projeto é ruim e nós temos que rever esta posição” o PL 300/2015 acabou arquivado. Em audiência pública realizada em agosto de 2015, diversas instituições se manifestaram em defesa da FZB, dentre elas, o Ministério Público Estadual através do promotor de Justiça José Francisco Seabra Mendes Júnior, que disse: “o MPE não vai descuidar da sua incumbência constitucional fundada na vigilância da legalidade”, e também de “zelar pela consolidação do princípio do não retrocesso ambiental”.
 

A realização desta Terça Ecológica é um desdobramento do curso sobre jornalismo ambiental realizado pelo NEJ-RS com o apoio da Fundação Luterana de Diaconia (FLD) no segundo semestre de 2016. A atividade objetiva incentivar a cobertura jornalística sobre o desmonte dos órgãos ambientais do Estado e sensibilizar os profissionais para a discussão sobre medidas potencialmente prejudiciais à população.



O que: Terça Ecológica do NEJ-RS

Tema: O desmonte dos órgãos ambientais do Rio Grande do Sul

Quando: 07 de fevereiro às 19h

Onde: auditório 2 da Fabico (Rua Ramiro Barcellos, 2705 campus Saúde, Porto Alegre)

ENTRADA FRANCA

 
EcoAgência

  
  
  
Untitled Document
Autorizada a reprodução, citando-se a fonte.
 
Mais Lidas
  
Untitled Document
 
 
 
  
  
  Untitled Document
 
 
Portal do Núcleo de Ecojornalistas do Rio Grande do Sul - Todos os Direitos reservados - 2008