Untitled Document
Bom dia, 10 de dez
Untitled Document
Untitled Document
  
EcoAgência > Notícia
   
Agroecologia

Sexta-feira, 18 de Outubro de 2019

 
     

Tupambaé agitará Viamão na próxima semana

  

Durante toda a semana haverá palestras, debates, oficinas, cultura, arte, tecnologia, feira de produtos agroecológicos e a tradicional Feira de Ciências da Cidade, congregando todas as escolas públicas

  


Por Adriane Bertoglio Rodrigues – especial para o Tupambaé

A próxima semana em Viamão será de muita informação e atividades voltadas para a sustentabilidade. De segunda-feira a domingo (21 a 27/10), acontece o Fórum e Feira Ecológicos Tupambaé – Fórum Permanente pela Dignidade e Vida Sustentável. Com organização e apoio de mais de 20 entidades, o Tupambaé será realizado na Obra Social Novo Lar. A abertura será às 18h, com a presença de dirigentes e representantes das entidades promotoras, estudantes e autoridades. Durante toda a semana haverá palestras, debates, oficinas, cultura, arte, tecnologia, feira de produtos agroecológicos e a tradicional Feira de Ciências da Cidade, congregando todas as escolas públicas de Viamão.
 
Com o tema Políticas Públicas em Sustentabilidade e Soberania Alimentar, o primeiro debate do Fórum Tupambaé acontece às 16h, com a participação de Patrícia Leidner (Ajuris), Annelise Steigleder (Ministério Público), João Ricardo dos S. Costa (Ajuris/AMB), Mário Sander (coordenador do Fórum de Agricultura Urbana), o arquiteto urbanista Benamy Turkienicz e o engenheiro agrônomo José Cléber, da Delegacia Regional do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Já às 19h, tem palestra com o engenheiro agrônomo e florestal e professor Sebastião Pinheiro, sobre Desafios para uma agricultura de base ecológica no Brasil.
 
Na terça-feira (22/10), das 9h às 12h, tem oficina de flauta doce, com Marcos Binatti, e de Plantas Alimentícias Não Convencionais (Pancs), com Irany Arteche e Leandro Martins. Às 14h, o Fórum reinicia com debate sobre Saúde e Agriculturas, com a participação do engenheiro agrônomo e conselheiro da Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural (Agapan), Leonardo Melgarejo, a médica Virgínia Dapper, a nutricionista Signorá Konrad e a farmacêutica e também conselheira da Agapan, Ana Valls. Segue à tarde a oficina de Pancs e, às 16h, oficina de Biocosméticos - Auto-cuidado Consciente, com Tainá Machado. À noite, as atividades acontecem no Auditório IFRS/Viamão, com abertura da Mostra Científica às 19h, seguida de espetáculo teatral, e, às 20h, palestra sobre Bioeconomia: Diversidade e Riqueza para Desenvolvimento Sustentável, com Viviane Nabinger, do Projeto Verdes Sinos, e Marcelo S. Couto, do IFRS Porto Alegre.
 
A Feira de Ciências, que vai reunir estudantes de 60 escolas municipais de Viamão, acontece das 9h às 17h de quarta e quinta-feira (23 e 24/10), no Pavilhão da Novo Lar. Além de demonstrações tecnológicas da Ufrgs/CTA, haverá oficinas, apresentações artísticas e atividades de Educação Ambiental.
 
Na quarta-feira (23/10), a partir das 14h, tem debate sobre Espiritualidade, Meio Ambiente e Visões de Mundo, com o agrônomo e paisagista Toni Backes, os agrônomos permacultores João Rockett e Tatiana Cavaçana, e a bióloga ambientalista Lara Lutzenberger. Em seguida, acontece o debate sobre Mudanças Climáticas, Agricultura e Meio Ambiente, com a presença do professor de Oceanologia da Universidade Federal de Rio Grande (Furg), Antonio L. Philomena, o professor de Biologia da Ufrgs, Paulo Brack, a professora de Agronomia da Ufrgs, Ingrid Barros, e Moema Salgado, pelo Instituto de Estudos da Religião (Iser). Na sequência, às 19h, tem painel sobre Agricultura, Cura da Terra e das Relações, com a participação do produtor de arroz biodinâmico, Juarez Pereira, o agrônomo e também produtor de arroz biodinâmico, João Batista Volkmann, o agrônomo do Irga, André Oliveira, e o coordenador de produção da Cooperativa dos Trabalhadores Assentados na Região de Porto Alegre (Cootap), Emerson J. Giacomelli.
 
Transição Agroecológica é o tema do painel que acontece na quinta-feira (24/10), às 14h, com o agrônomo e agricultor Maurício Reck, a agricultora do Assentamento Filhos de Sepé, Lúcia Marlei Rodrigues, o agricultor orgânico Ricardo Hattori, pela Rede Ecovida, o engenheiro agrônomo da Emater/RS-Ascar, Ari Uriartt, e Flávio Ruschel, da Associação Agroecológica. À tarde tem oficinas de manejo hídrco, compostagem e fermentados e, à noite, a partir das 19h, painel sobre Desafios ao Desenvolvimento de Viamão, com Marco Antonio Vieira, secretário de Agricultura de Viamão, Alexandre Vidor, do IFRS, Júlio Ferst, da TecnoPUC, Francisco Milanez, presidente da Agapan, e Lama Padma Samten, do CEBB.
 
De sexta-feira a domingo (25 a 27/10), o Pavilhão da Novo Lar sedia Feira Agroecológica e Mostra de Tecnologias Sustentáveis e artesanato de povos tradicionais, entre 10h e 19h.
 
Na manhã de sexta-feira (25/10), acontece o 1° Encontro dos Povos Tradicionais, com a presença das lideranças quilombolas Antônio Gomes e Berenice de Deus, das lideranças Guarani, caciques Arnildo, Arlindo e 
Zico, e liderança de pescadores, Paulo Ribeiro da Silva, da Guayí - Democracia, Participação e Solidariedade. Eles debatem sobre Desafios Criativos Atuais para as Comunidades Quilombolas e Povos Indígenas, que apresentam jogos e a cultura de suas etnias. À tarde, tem debate sobre Formação, Dinâmicas e Perspectivas de Redes Alimentares, com participação de Cristine da Fonseca, da Bem da Terra de Pelotas, Rosana Kirsch, da Araçá de Novo Hamburgo, Alice Martins, da Eco Ferrabraz e Huli Zang, da Central Metropolitana de Cooperativas da Agricultura Familiar.
 
No sábado (26/10), a manhã inicia com momento cultural e jogos entre povos originários, apresentação da Galera Curtição e debate sobre Inovações e Tecnologias para Sustentabilidade, com a participação de Lisiane Ávila, veterinária da Emater/RS-Ascar, João Pedro Demore, da Energia Solar, da professora de Agronomia da Ufrgs, Tatiana Duarte, de Marina de Freitas e Cristhan Arpino, do CTA da Ufrgs, e de Odorico Konrad, da Univates. À tarde, oficinas e apresentações artísticas. A partir das 14h, haverá debate sobre Educação para Sustentabilidade, com Rejane Kalsing, da Ufrgs do Litoral Norte, Darliane Silva e Luiz Correa, da Univates, Nelson Pretto, da Universidade Federal da Bahia, e 
Alberto Bracagioli, do PGDR/Ufrgs. Em seguida, fala demonstrativa sobre Agrohomeopatia, com o professor Valcir Carpenedo, da Escola Técnica de Agricultura (ETA) de Viamão e Associação Agroecológica.
 
Já no domingo (27/10), último dia do Fórum e Feira Tupambaé, acontece Encontro Inter-religioso e, às 14h30, Plenária de avaliação, sonhos e encerramento.
 
Inscrições
A inscrição para participar do Fórum e Feira Ecológicos Tupambaé é na hora, mediante a compra do ingresso a R$ 5,00. A programação completa e os horários das atividades podem ser conferidos no http://www.forumtupambae.org.
 
As entidades que participam do Tupambaé - Fórum pela Dignidade e Vida Sustentável são Ação Paramita, Emater/RS-Ascar, Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural (Agapan), Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), Associação Juízes para a Democracia (AJD), Centro de Estudos Budistas Bodisatva (CEBB), Centro Propaganda, Cooperativa dos Produtores Orgânicos da Reforma Agrária de Viamão (Coperav), Núcleo de Estudos em Agroecologia e Produção Orgânica de Viamão (EcoViamão), Fundação Gaia, Instituto Caminho do Meio, Instituto Federal do Rio Grande do Sul – Campus Viamão (IFRS ), Instituto Zen Maitreya, Instituto de Estudo das Religiões (Iser), Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga), Parque Estadual de Itapuã, Prefeitura e Câmara Municipal de Viamão, Tecnopuc Viamão, Univates – Universidade Vale do Taquari, Ufrgs – Campus Litoral Norte, Ufrgs – CTA Centro de Tecnologia Acadêmica, YES Energia Solar.
 
Tupambaé/EcoAgência

  
  
  
Untitled Document
Autorizada a reprodução, citando-se a fonte.
 
Mais Lidas
  
Untitled Document
 
 
 
  
  
  
  
  
  
  Untitled Document
 
 
Portal do Núcleo de Ecojornalistas do Rio Grande do Sul - Todos os Direitos reservados - 2008